As professoras de Dança do Oswald, Letícia Doretto e Júlia Santos, desenvolvem um amplo trabalho a partir das danças tradicionais populares brasileiras, em paralelo a um diálogo entre a dança contemporânea e as danças brasileiras tradicionais. O desafio de trazer o universo das danças tradicionais como um conteúdo físico e simbólico – sem que seja posto de forma datada, folclórica ou reducionista – permeia o trabalho da área desde sua criação. Portanto, nas aulas de Dança para o Ensino Fundamental II e Médio, as educadoras trazem as danças tradicionais populares com um olhar específico e atualizado, explorando os vocabulários dessas manifestações para o desenvolvimento da aptidão física e o exercício da expressão com os alunos.

No 1º ano do Ensino Médio, por exemplo, são trabalhados conceitos como organização de espaço, domínio rítmico, transferência de peso, escuta coletiva, por meio de exercícios de exploração do corpo na dança contemporânea, assim como nas manifestações das danças brasileiras, trazendo também elementos do Jongo e do Coco de Roda. Já no 2º ano, o foco é a investigação desses vocabulários para a criação de “textos” próprios dos alunos; ou seja, os alunos são instigados a fazer improvisações, pesquisas para a criação de personagens, explorações de espaços não convencionais para performances. Também nesta série, trabalham com o folguedo do Cavalo Marinho, que tem maior complexidade e exige maior mergulho na cultura brasileira para desenvolvimento do repertório de movimentos da dança.

O foco do trabalho não está em aprender somente os passos das diversas manifestações, mas, sim, no conteúdo por trás das danças populares. É uma escolha político-pedagógica de trazer as danças populares para dentro da escola, em diálogo com a produção da dança contemporânea. As aulas de Dança trazem, junto ao repertório de movimento, a contextualização sobre quem são as pessoas que dançam, onde dançam, e a manutenção das manifestações e comunidades detentoras das culturas.

 

Este texto foi construído a partir da colaboração das educadoras Julia Santos, professora de Dança no Ensino Fundamental II e Leticia Gonçalves (Leca), que dá aulas de dança no Ensino Médio.